pra sempre no ar

Jornal da Manchete

Jornal da Manchete: A Noticia começa pela Manchete.

23/12/2005 por Enio Marcio do Valle Leite
Jornal da Manchete 1995 Herdando uma forte tradição do grupo Bloch no segmento de revistas, a Rede Manchete nasceu como uma televisão carro-chefeada por um jornalismo extenso e dinamizado, marca registrada que pôde ser vista nos 16 anos de existência do "Jornal da Manchete", seu principal informativo. Consagrado como o programa mais longevo da história da rede, o "Jornal da Manchete" permaneceu no ar do primeiro ao último dia útil de existência da emissora. No início, em junho de 1983, tinha uma excessiva duração de uma hora e quarenta minutos, tempo que veio a se reduzir um ano depois, quando alterou em certa medida a sua linha editorial, principalmente após a vitória da Aliança Democrática nas eleições presidenciais de 1985. A trilha sonora do informativo, "Videogame", foi composta pelo conjunto musical Roupa Nova, rejuvenescendo o conceito de jornalismo na televisão brasileira.
Originalmente, o seu cenário era bastante futurístico, mostrando sua própria redação ao fundo com diversos monitores de televisão. Inicialmente era apresentado por Ronaldo Rosas e Carlos Bianchini, além da participação de diversos comentaristas, como Carlos Chagas e Villas-Boas Correa na política. Em 1989, o informativo passou a ser apresentado pelo casal Eliakim Araújo e Leila Cordeiro. Com a saída destes, ganhava o espaço Márcia Peltier, uma apresentadora que teve grande prestígio na emissora, permanecendo até 1998. Interinamente, o "Jornal da Manchete" era apresentado por Augusto Xavier, conforme visto no exato dia em que a emissora completava os seus 15 anos de existência. No segundo semestre de 1998, quando a emissora entrou em sua derradeira crise, passou a ser apresentado por Berto Filho. A última apresentadora do informativo foi Cláudia Barthel, que permaneceu no ar de janeiro de 1999 ao fechamento da emissora, em maio do mesmo ano. Com a evolução da emissora, o informativo ganhou duas novas edições ao longo da programação. Foi aí que surgiu o "Jornal da Manchete - Edição da Tarde" e o "Jornal da Manchete - Segunda Edição", este exibido no final da noite. No primeiro, o cenário era diferente dos demais e chegava a dedicar um quadro feminino em seu conteúdo. No segundo, houveram outras denominações ao longo de sua existência, como "Noite e Dia" e "Verdade". Aos domingos, ia ao ar o "Programa de Domingo", uma revista completa, contando com a participação de toda a equipe jornalística da emissora. Por sua apresentação, passou Ronaldo Rosas. Foi neste programa que surgiram as famosas "crônicas indiscretas" de Alexandre Garcia, assim chamados os flagrantes de diversas cenas engraçadas dos bastidores da política nacional. O jornalismo investigativo trouxe grandes sensações à emissora com o lançamento do premiadíssimo "Documento Especial: Televisão Verdade" em 1989. Abordando os mais diversos assuntos polêmicos com uma ênfase que ainda não era vista na televisão brasileira, o jornalístico alcançou uma marca bastante particular com a tamanha explicitez de suas imagens sobre o fato, um verdadadeiro retrato da realidade diante das câmeras. Por se tratar de uma produção independente, o "Documento Especial" deixou a emissora em 1992, quando sua equipe foi contratada pelo SBT. Em seu lugar, entrou no ar o "Manchete Especial: Documento Verdade", apresentado pelo ator Henrique Martins. Após uma fase de recuperação de diversas crises, o formato do jornalístico retornava à emissora por volta de 1996 na pele do "24 Horas" e do "Câmera Manchete", estes que se perderam no tempo em 1998. Com o final de um jornalismo sério, profundo e explícito e o sumiço de uma emissora que unia essas três virtudes em uma, o noticiário na televisão brasileira infelizmente já não é mais o mesmo.
 
espalhe:
leia também sobre Jornal da Manchete
comentários
publicidade
fotos de 'Jornal'
  • Jornal da Manchete 1991 - Carlos Chagas
  • Jornal da Manchete, com Marcia Peltier (1996-1997)
  • Jornal da Manchete (1996-1997), com Marcia Peltier e Marcos Hummel
  • Fechamento do Jornal da Manchete (1998), com Augusto Xavier
  • Jornal da Manchete 1992 - Leila Cordeiro e Eliakim Araújo
  • Logo do JM de 1998
fãs da manchete
Menu » Home | Vídeos | Artigos | Fotos | História
 
Serviços » Login | Cadastre-se | Incluir Vídeo | Escrever Artigo | Incluir Foto
 
Novelas Jornalismo Infantis Mais
Pantanal
Ana Raio & Zé Trovão
Kananga do Japão
Mandacaru
Dona Beija
Xica da Silva
Corpo Santo
Mais Novelas
 
Jornal da Manchete
Carnaval da Manchete
Documentários
Esportes
Clube da Criança
Séries Japonesas
Cometa Alegria
Mais Infantis
Humorísticos
Variedades
Entrevistas
O Site » Quem Somos | Fale Conosco
 
Este site não possui qualquer relação comercial com a extinta TV Manchete Ltda.
No ar desde set/1999. Idealizado, mantido e desenvolvido por Diogo Montano
title= title=