Rede Manchete

Carmem

Sobre Carmem

Por Miguel Rivera, em 14/02/2006
Carmem - 1987
Carmem - 1987

A cultuada personagem de Merimée e Bizet chegou à telenovela. Escamilho, o toureiro da ópera, virou Camilo (José Wilker, numa participação especial), trocando as arenas de touros por pistas de carros de corrida.

Glória Perez voltava à telenovela mostrando que tinha fôlego para sustentar uma boa história parcelada.

A base da sinopse trazia elementos de sua outra novela, Barriga de Aluguel, que por essa época estava indevidamente guardada em qualquer gaveta da TV Globo.

Depois de 10 anos atuando em novelas da Globo, Lucélia Santos abandonou a emissora e se transferiu para a Rede Manchete.

Em entrevista ao programa Por Trás da Fama (Multishow), em setembro de 2005, Glória Perez afirmou que um dos maiores absurdos que escreveu está na novela Carmem - de acordo com a matéria da jornalista Laura Mattos publicada na Folha de São Paulo:
"É a própria Glória Perez quem conta a cena e ri: em Carmem, de sua autoria, um casal briga; a mulher saca um revólver e dispara seis vezes contra o marido; acaba o capítulo; no episódio seguinte, o telespectador fica sabendo que a moça ’conseguiu’, a menos de um metro do rapaz, errar todos os tiros!"

Uma curiosidade: Silvio Santos fez uma participação especial na novela. O apresentador abriu as portas do Programa Silvio Santos para a personagem Creuza (Bia Sion) participar do quadro Namoro na TV. Sonhadora e romântica, Creuza vai até lá solicitar um namorado através da mídia eletrônica.

Carmem foi reprisada em forma compacta de 19/03 a 07/06/1990, em 69 capítulos, de segunda a sábado às 13h (e mais tarde às 13h15).

Por Miguel Rivera, em 14/02/2006

leia também sobre Carmem

artigos

ver todos