Rede Manchete

Floradas na Serra

Sobre Floradas na Serra

Por Miguel Rivera, em 24/02/2006
FLORADAS NA SERRA - 1991
FLORADAS NA SERRA - 1991

Geraldo Vietri reescreveu para a TV Manchete, com inspiração aguçada, a minissérie que ele havia adaptado para a TV Cultura em 1981, na série Tele-Romance, com Bete Mendes e Amaury Alvarez como os protagonistas.

Nesta reedição, o autor foi brindado com uma produção esmerada e um elenco perfeitamente escalado.

O resultado final foi surpreendente e reservou uma surpresa: Tarcísio Filho (Dr. Celso), assegurando-se como um ator de primeira, conseguindo independer das influências dos pais famosos.

O romance de Dinah Silveira de Queiróz já havia rendido também uma versão cinematográfica, no filme de Luciano Salce de 1954, com Cacilda Becker e Jardel Filho nos papéis principais.

A minissérie foi reprisada de 20/01 a 15/02/1992, em 24 capítulos, de segunda a sábado às 19h30.

Também de 23/01 a 23/02/1995, em 24 capítulos, de segunda a sexta-feira às 19h30.

SINOPSE

A trama gira em torno de quatro moças num internato para recuperação de tuberculosos em Campos do Jordão.
O casal principal é formado por Elsa e Flávio. Elsa deixa São Paulo ao descobrir-se doente, deixando para trás seu noivo. Em Campos do Jordão se envolve emocionalmente com um interno, o pintor Flávio.
O segundo casal é formado por Lucília e Bruno, um escritor casado, também em recuperação. O envolvimento de Lucília vai levá-la às últimas consequências, com final quase trágico.
A terceira moça é apaixonada pelo Dr. Celso e vai lutar pelo seu amor contra Olívia.
A quarta moça tem um final infeliz.

Por Miguel Rivera, em 24/02/2006

leia também sobre Floradas na Serra

artigos

ver todos