pra sempre no ar

Mandacaru

Zebedeu um vilão infantil?

05/06/2006 por Ricardo Santos de Almeida
Benvindo Siqueira como 'Zebedeu' em Mandacaru (1997-1998). Vilão infantil

ACM, Maluf ou Saddam Hussein? Seja qual for a inspiração, Benvindo Sequeira ganhou destaque como Zebedeu

Por: Cleide Cavalcante da Agência Estado

Benvindo Sequeira é mais uma prova do destaque que os vilões acabam conquistando nas novelas. Para quem até há algum tempo trabalhava num programa humorístico ("Escolinha do Professor Raymundo"), até que a atuação do ator como o Zebedeu, em "Mandacaru", foi uma boa surpresa. Bastou entrar na fase em que Zebedeu passa a ganhar mais poder para que o ator passasse a usar com sucesso a fórmula baseada na maldade e no humor. Nesta entrevista a Agência Estado, ele fala de seu personagem - "um garotão -, da repercussão entre os telespectadores e até cita alguns Zebedeus da vida real.


ENTREVISTA/ Benvindo Sequeira

É a primeira vez que você faz um vilão? E como está sendo a experiência?

Benvindo Sequeira - É. Olha, é muito divertido e fascinante. O Zebedeu é muito simpático, as criancas gostam, o público pede mais, as velhinhas dizem que ele é mau, mas que mesmo assim adoram. é um vilão malandro, meio infantil. Eu empresto minha leveza a este vilão, que não é um vilão pesado, que todo mundo tenha raiva.

E nas ruas, o que falam?

Sequeira - As pessoas me encontram e dizem: "Olha, o Zebedeu não pode morrer". Todos torcem por ele. O Zebedeu representa o novo.

Este é o tipo de vilão que dá mais certo?

Sequeira - Eu acho que um vilão tem de ser popular, leve e engraçado. Jamais desagradável.

Como você o define?

Sequeira - Ele não é nem louco, nem malvado. É um primata, age impulsivamente, pelo inconsciente. Por outro lado, ele é puro, e não tem pudores, é só desejo. Ele é como o homem das cavernas, anterior à psicopatia, à loucura. Se soltar o Zebedeu no centro da cidade, ele vai preso, vai começar a atirar e por aí... Ele faz o mundo que deseja, é o espelho do inconsciente da humanidade, é neste ponto que ele se torna criança.

E você acha que fazer um vilão caricato é mais fácil?

Sequeira -- Não. O vilão clichê, aquele mal-humorado, é mais fácil. Este vilão que interpreto sorri com os olhoo brilhando, e diz "vou te matar", e mata. É um personagem que passa pelo antigesto, pelo contra-ato. Fazer o vilão mau, de cara fechada, falando baixo e pausado, acredito ser mais fácil do que pegar todo o texto e transformá-lo em leveza. Dizer "eu te amo" enquanto odeia, permanentemente, em todas as gravações, é difícil. O Zebedeu corta orelhas sorrindo, acredita que é maravilhoso, mata todo mundo rindo, ri e faz. Ele faz tudo isso com alegria de viver. O mau e o bem é igual para ele, que acredita que a dor faz parte da alegria de viver. Para o Zebedeu, tudo é melhor do que estar morto.

Você se inspirou em alguém para compor o personagem?

Sequeira - Não especificamente. Tentei buscar algo no ACM, o lado engraçado, o desleixo, a "malvadeza", mas não deu para pegar nada. Não estou dizendo que ele é um Zebedeu, ele é brilhante, ele é o Brasil... Por outro lado, tem o Maluf... Enfim, olhei algumas pessoas, e só estou citando estes dois para brincar um pouco com a política

E como você vê o Zebedeu?

Sequeira - Acho que ele nasceu num grotão, como Macunaíma, em contato com a natureza. Portanto, a loucura dele não é nem fruto da sociedade. Existem duas abordagens diferentes, a do público e a minha, como ator. Assim, não posso dizer que ele está fazendo maldade, digo que ele está se divertindo, pois não tem limites.

Você poderia citar algum Zebedeu da vida real?

Sequeira - Olha, nunca parei para pensar nisso... Existem alguns carniceiros... Bom, o Saddam Hussein é o Zebedeu do Oriente, para nós ocidentais. Em contrapartida, até acho que o Sadann está sendo crucificado pelo Ocidente por não entenderem a cultura do Oriente. Por outro lado, ele diz que o demônio é o Bill Clinton. Na verdade, os dois têm muito de Zebedeu...

Fonte: AN Tevê
 
espalhe:
comentários
publicidade
fotos de 'Mandacaru'
  • Zebedeu imperador do sertão. Ah! Essa eu quero ver. Anúncio da novela 'Mandacaru' 1998
  • Juliana (Carla Regina) de Mandacaru)
  • Cangaceira Divina e Tenente Aquiles (Ana Prado e Murilo Rosa) 'Mandacaru' 1997
  • Benvindo Siqueira como Zebedeu 'Mandacaru' 1997
  • Cena da novela ?Mandacaru?(TV Manchete-1997), onde Maite Flores(Roberta Close) toma banho nua num rio, para o desespero de Salustiano(Agildo Ribeiro) que a observa de longe.
  • MANDACARU - Tirana, Juliana e Aquiles
fãs da manchete
Menu » Home | Vídeos | Artigos | Fotos | História
 
Serviços » Login | Cadastre-se | Incluir Vídeo | Escrever Artigo | Incluir Foto
 
Novelas Jornalismo Infantis Mais
Pantanal
Ana Raio & Zé Trovão
Kananga do Japão
Mandacaru
Dona Beija
Xica da Silva
Corpo Santo
Mais Novelas
 
Jornal da Manchete
Carnaval da Manchete
Documentários
Esportes
Clube da Criança
Séries Japonesas
Cometa Alegria
Mais Infantis
Humorísticos
Variedades
Entrevistas
O Site » Quem Somos | Fale Conosco
 
Este site não possui qualquer relação comercial com a extinta TV Manchete Ltda.
No ar desde set/1999. Idealizado, mantido e desenvolvido por Diogo Montano
title= title=